Live de Lula com Reinaldo Azevedo registra audiência 18 vezes maior do que a de Bolsonaro

Reprodução/YouTube
Entrevista do ex-presidente alcançou 275 mil pessoas no YouTube


A entrevista do ex-presidente Lula ao jornalista Reinaldo Azevedo, nesta quinta-feira (1º), reuniu uma audiência 18 vezes maior do que a live do presidente Jair Bolsonaro, que ocorreu logo na sequência em transmissão nas redes sociais.

Enquanto a entrevista do petista alcançou 275 mil pessoas assistindo ao vivo no YouTube da BandNews, em conversa que durou uma hora e meia, a live de Jair Bolsonaro desta quinta, no Palácio da Alvorada, alcançou a audiência simultânea de 15 mil. As transmissões do presidente costumam ter uma hora.

Durante a entrevista, Lula fez diversas críticas ao chefe do Executivo nacional em relação a sua gestão da pandemia do coronavírus. O petista disse que o país vive um “genocídio” e pediu para Bolsonaro “fechar a boca” em relação à crise sanitária..

“Nós estamos vivendo um genocídio. Não um genocídio de Estado, como foi o genocídio contra os negros, contra os indígenas. É um genocídio praticado pela irresponsabilidade de um único homem, que brinca com uma doença, que zomba da doença, que inventa remédio”, afirmou o ex-presidente.

Em outro momento da entrevista, Lula também pediu para o mandatário “deixar de ser ignorante” e fez campanha pelo retorno do auxílio emergencial no valor de R$ 600.