Tecnologia do Blogger.

Featured Post

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Pesquisar este blog

Pacatuba Em Foco

Ads 468x60px

Followers

random/hot-posts

PACATUBA EM FOCO

Total de Transeuntes

domingo, 31 de maio de 2020

Página Musical | Raymundo Sodré cantando: A Massa


Raimundo Sodré - A Massa 


A dor da gente é dor de menino acanhado
Menino-bezerro pisado no curral do mundo a penar
Que salta aos olhos igual a um gemido calado
A sombra do mal-assombrado é a dor de nem poder chorar
A dor da gente é dor de menino acanhado
Menino-bezerro pisado no curral do mundo a penar
Que salta aos olhos igual a um gemido calado
A sombra do mal-assombrado é a dor de nem poder chorar
Moinho de homens que nem girimuns amassados
Mansos meninos domados, massa de medos iguais
Amassando a massa a mão que amassa a comida
Esculpe, modela e castiga a massa dos homens normais
Quando eu lembro da massa da mandioca mãe
Da massa
Quando eu lembro da massa da mandioca mãe
Da massa
Quando eu lembro da massa da mandioca mãe
Da massa
Quando eu lembro da massa da mandioca mãe
Da massa
A dor da gente é dor de menino acanhado
Menino-bezerro pisado no curral do mundo a penar
Que salta aos olhos igual a um gemido calado
A sombra do mal-assombrado é a dor de nem poder chorar
A dor da gente é dor de menino acanhado
Menino-bezerro pisado no curral do mundo a penar
Que salta aos olhos igual a um gemido calado
A sombra do mal-assombrado é a dor de nem poder chorar
Moinho de homens que nem girimuns amassados
Mansos meninos domados, massa de medos iguais
Amassando a massa a mão que amassa a comida
Esculpe, modela e castiga a massa dos homens normais
Quando eu lembro da massa da mandioca mãe
Da massa
Quando eu lembro da massa da mandioca mãe
Da massa
Quando eu lembro da massa da mandioca mãe
Da massa
Quando eu lembro da massa da mandioca mãe
Da massa
Nunca mais me fizeram aquela presença, mãe
Da massa
Da massa que planta a mandioca, mãe
Da massa
A massa que eu falo é a que passa fome, mãe
Da massa
A massa que planta a mandioca, mãe
Da massa
Lelé meu amor lelé
Lelé meu amor lelé
No cabo da minha enxada não conheço "coroné"
No cabo da minha enxada não conheço "coroné"
Eu quero mas não quero
Camarão
Minha mulher na função
Camarão
Que está livre de um abraço
Camarão
Mas nunca de um beliscão
Camarão
Torna a repetir "meus" amor: ai, ai, ai!
Torna a repetir "meus" amor: ai, ai, ai!
Torna a repetir quem quiser: ai, ai, ai!
Torna a repetir pra Sodré: ai, ai, ai!



←  Anterior Proxima  → Inicio

Jornada Esportiva

Jornada Esportiva

Mais Acessadas

Votar ao Topo