Série mexicana 'A Casa das Flores', da Netflix, vê Bolsonaro como analogia para “burro”

Na terceira temporada da série de comédia mexicana 'La Casa de Las Flores', há uma discussão entre Paulina de la Mora (Cecília Suarez) e Diego Olvera (Juan Pablo Medina). Depois ela grita: "Cale a boca! Você é burro? Você é do Alabama? Seu sobrenome é Bolsonaro ou o quê?"

Na terceira temporada da série mexicana 'La Casa de Las Flores', da Netflix, uma personagem cita o sobrenome de Jair Bolsonaro, como sinônimo de “burro”.

Numa discussão entre Paulina de la Mora (Cecília Suarez) e Diego Olvera (Juan Pablo Medina) ela grita: "Cale a boca! Você é burro? Você é do Alabama? Seu sobrenome é Bolsonaro ou o quê?". O questionamento aconteceu no quinto episódio da série de comédia que retrata a vida de uma família abastada com vários segredos.

O Alabama, Sudeste dos Estados Unidos, é visto como um estado atrasado economicamente e com histórico de racismo.

Bolsonaro vê a sua popularidade cair ainda mais em 2020 pela maneira como lida com a crise do coronavírus, contrariando recomendações da OMS, que pede isolamento social, enquanto ele já compareceu a alguns atos de rua. Também foi a uma manifestação que pedia intervenção militar e um novo AI-5. 

Além da estagnação econômica (PIB cresceu 1% em 2019) e das dificuldades de articulação política, Bolsonaro já teme a prisão de filhos devido ao avanço das investigações sobre fake news, que se aproximam da família.

De acordo com pesquisa Atlas Político, 54% dos brasileiros apoiam o impeachment dele. 

.

Pages