Tecnologia do Blogger.

Featured Post

Diário do Bolso | ... foi outro 7 a 1. Igualzinho à seleção do Felipão.

Diário, foi outro 7 a 1. É, levei uma goleada esses dias. Igualzinho à seleção do Felipão. Olha só: 0 x 1 O Ricardo Salles, do Me...

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Pesquisar este blog

Pacatuba Em Foco

Ads 468x60px

Followers

Pacatuba Em Foco - A Melhor Calçada Virtual

domingo, 17 de novembro de 2019

Mortos em massacre da ditadura boliviana são levados aos gritos de Justiça; outros 34 estão feridos e centenas presos

Omar Calle, César Sipe, Juan López, Emilio Colque e Lucas Sánchez foram mortos pela polícia boliviana na tarde desta sexta-feira (15). "Como hoje, em 1781, o irmão Tupac Katari foi executado pelo jugo espanhol. Agora, os líderes do golpe matam indígenas e humildes por pedir democracia", tuitou Evo Morales


Os corpos de Omar Calle, César Sipe, Juan López, Emilio Colque e Lucas Sánchez, que foram mortos nesta sexta-feira (15) em um massacre promovido por militares controlados pela ditadura boliviana foram levados em caixões até as imediações da ponte Huayllani, no caminho para Cochabamba, onde foram assassinados, por uma multidão que pedia por Justiça.
||

Por la el pueblo responsabiliza a la junta golpista en

"Áñez Asesina, Áñez Asesina"

Para los que decían que todo esta "tranquilo" y están asesinando impunemente

¡VAMOS A HACERLO VIRAL!@rhm1947
1.659 pessoas estão falando sobre isso
Outras 34 pessoas ficaram feridas e mais de cem foram presas, segundo o líder do povo de Cochabamba, Nelson Cox, com confirmação posterior pelo ministério da Presidência da Bolívia.

O confronto ocorreu quando forças leais a Evo Morales se concentraram na cidade de Sacaba, capital da província de Chapare, e iniciaram uma marcha em direção à cidade de Cochabamba, que fica a cerca de 13 quilômetros de distância, e depois seguiriam rumo a La Paz.

No caminho, próximo a ponte Hyayllani, na tarde desta sexta-feira, policiais de Cochabamba, que dão apoio ao golpe, fizeram um cerco e reprimiram com violência os manifestantes.


A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) condenou em comunicado o “uso desproporcional da força policial e militar”, confirmando os cinco mortos e apontando que havia um número indeterminado de feridos. A CIDH acrescentou que “as armas de fogo devem ser excluídas dos dispositivos utilizados para controlar os protestos sociais”.

No Twitter, o ex-presidente Evo Morales, que está asilado no México, pediu “às Forças Armadas e à polícia que pare o massacre”. “O uniforme das instituições da pátria não podem ser manchadas com o sangue do nosso povo”, escreveu na rede social.
Pedimos a las FFAA y a la Policía Boliviana que paren la masacre. El uniforme de las instituciones de la Patria no puede mancharse con la sangre de nuestro pueblo.
19,5 mil pessoas estão falando sobre isso

Morales ainda denunciou a ditadura de Carlos Mesa, derrotado nas eleições presidenciais, e Luis Fernando Camacho, líder golpista de Santa Cruz.

“Para justificar o golpe, Mesa e Camacho nos acusaram de “ditadura”. Agora, seu auto-nomeado “presidente” e seu gabinete de advogados de defesa de estupradores e repressores massacram o povo com as Forças Armadas e a Polícia como a verdadeira ditadura. #NoAlGolpeDeEstadoEnBolivia”, tuitou Evo.

Para justificar el golpe, Mesa y Camacho nos acusaron de "dictadura". Ahora su "presidenta" autonombrada y su gabinete de abogados defensores de violadores y represores, masacra al pueblo con las FFAA y la Policía como la verdadera dictadura.
Ver imagem no TwitterVer imagem no Twitter


https://revistaforum.com.br/global/mortos-em-massacre-da-ditadura-boliviana-sao-levados-aos-gritos-de-justica-outros-34-estao-feridos-e-centenas-presos/?fbclid=IwAR2Pn7lXoxzPkXAc5CilWyAIBf9irCgnJDCu_4jlGBAFKMZifYns--S-ch8
←  Anterior Proxima  → Inicio

Pacatuba Em Foco

Ouça-nos !

Agenda de Jogos da Semana


Campeonato Brasileiro A
Quarta-Feira, 04, 19h30
Ceará x Corinthians - Castelão

Campeonato Brasileiro A
Domingo, 08, 16h00
Fortaleza x Bahia - Castelão

Mais Acessadas

Total de Transeuntes

Votar ao Topo