Tecnologia do Blogger.

Featured Post

MEC - rejeita aumento para 40% na contribuição da União no Fundeb

O Ministério da Educação (MEC) não apoia o aumento para 40% na complementação da União no Fundo Nacional de Manutenção da Educação Básica...

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Pesquisar este blog

Pacatuba Em Foco

Pacatuba Em Foco - A Melhor Calçada Virtual

Weintraub admite corte de R$ 926 milhões na Educação para pagar emendas dos que votaram a favor da Previdência

"É um corte", disse o ministro da Educação, Abraham Weintraub , sobre os R$ 926 milhões do orçamento da pasta para pagar emendas de parlamentares que votaram a favor a reforma da Previdência. "São emendas parlamentes, para projetos específicos, aí foi um corte", afirmou

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, admitiu nesta sexta-feira (16) que a aprovação da reforma da Previdência não garante o "desbloqueio" do orçamento da educação e assumiu que a pasta ainda teve que retirar R$ 926 milhões do orçamento para pagar emendas de parlamentares que votaram a favor a reforma da Previdência.

Ele admitiu ainda que tal remanejamento representa sim, um corte. "Isso não foi feito aqui. É um corte, esse que você descreveu é sim um corte", afirmou o ministro, após questionamento feito por jornalistas da Folha. "São emendas parlamentes, para projetos específicos, aí foi um corte. Não foi um corte da minha caneta".

O corte equivale a 16% do total já bloqueado pelo MEC neste ano. No total, foram destinados R$ 3 bilhões do orçamento do governo para pagar emendas parlamentares, negociadas para a aprovação da reforma da Previdência.

O valor atinge setores omo a manutenção da educação infantil, concessão de bolsas na educação superior e básica e apoio ao funcionamento de instituições federais de ensino.

←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Pacatuba Em Foco

Ouça-nos !

Agenda de Jogos da Semana


Taça Fares Lopes
Sexta-Feira, 20, 15h30
Fortaleza x Caucaia - Elzir Cabral

Campeonato Brasileiro A
Domingo, 22, 16h00
Fortaleza x Palmeiras - Castelão

Mais Acessadas

Total de Transeuntes

Votar ao Topo