Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Cachorro é morto a tiros durante ato pró-Bolsonaro na Bahia

Polícia investiga morte de cachorro a tiros em carreata pró-Bolsonaro na Bahia. Homem desceu do veículo, durante a manifestação, e atirou três vezes contra o animal

Um episódio inusitado aconteceu durante uma carreata em defesa do candidato Jair Bolsonaro (PSL) no último domingo, 30, na cidade de Muniz, na Bahia.

Um cachorro morreu após ser alvejado por arma de fogo por um eleitor que participava do ato.

Testemunhas contam que o autor dos disparos, que não teve a identidade revelada, desceu de um veículo, durante a carreata, e atirou três vezes contra o cachorro, que era “pitbull misturado”.

“O cachorro era muito dócil e não avançou contra ninguém, mas estão alegando isso”, explica a responsável pelo animal, que pede justiça para o ocorrido.

A dona do cachorro disse que o atirador se apresentou como policial na delegacia da cidade vizinha, Nazaré das Farinhas.

“Se ele não pagar pelo que fez, precisamos que ele saiba que muita gente sofreu”, desabafa.

Segundo a Polícia Civil do Estado da Bahia, o autor do crime foi identificado e ouvido, mas liberado após sugerir que agiu em legítima defesa.

Ainda de acordo com a Polícia, o homem disse, em depoimento, que se sentiu ameaçado. Outros depoimentos estão sendo colhidos e o caso segue em investigação.



←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

Votar ao Topo