Fui vítima de multa indevida em Pacatuba - Confira o meu relato ! ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares









Ouça-nos em seu celular ou tablet. Baixe um dos seguintes Aplicativos no Google Play: - RádiosNet; - TuneIn; - Irádios; VEM COMIGO !!!


Fui vítima de multa indevida em Pacatuba - Confira o meu relato !


Era uma tarde de terça-feira, por volta das 15h00, quando eu dirigia o meu Bruzundanga ( como chamo o meu heroico Gol-2008 ) rumo à Câmara de Vereadores de Pacatuba. Pego a rua José Libânio e fui pegar à esquerda próximo à Praça da Fonte de nossa cidade. Eis que me deparo com uma barreira.

E eu, em tom indagador, lanço a pergunta:

O que está havendo aí ? O porquê de estar bloqueada a passagem ?

Cabe esclarecer que nesse período estava havendo as filmagens do Filme Cine Hollyood 2 em nossa cidade.

E o azulzinho ( Guarda-de-Trânsito local ), fez uso da explicação supracitada.

Eu, reclamei ( de forma ordeira ) manifestei a minha insatisfação, mas não me indipus com o Guardinha, dei marcha-ré e contornei o Fórum, pegando à rua  paralela que levava à Câmara.

Ao dar a ré, notei que o Guarda Municipal rabiscava seu inseparável caderno de anotações, porém não julguei que o mesmo teria motivo para me impetrar uma multa qualquer, segui meu caminho.

Para minha surpresa, fui agraciado e, só tomei conhecimento há poucos dias, de que o exemplar funcionário municipal havia me imputado uma infração, alegando que eu estava conduzindo o meu veículo sem fazer uso do cinto. No que corresponde à contravenção de Natureza Grave, imprimindo em minha carteira o total de 05 pontos.

Jamais imaginei que seria vítima da ira incontida do cidadão que em tese deveria resguardar a exatidão de conduta. Posto que eu não estava sem cinto, jamais trafego sem o uso desse tão importante utensílio para a nossa segurança.

O que me motiva ?

Enquanto educador que sou, seria um contrassenso calar-me frente à essa agressão aos princípios ético-morais que, infelizmente, fui eu acometido.

Logo eu que, em minha função, primo por propagar o religioso cumprimento dos deveres e obrigações que competem a todo cidadão. E, da mesma forma, também propago com igual tenacidade a luta que se deve travar afim de garantir os nossos direitos. 

Seria, portanto, uma conduta contrária àquilo que busco incutir na mentalidade de meus educandos. Quando eu me vejo lesado em meus direitos, silenciar, calar o sentimento que deve nos motivar a buscar a isonomia de direitos.

Não quero com isso execrar a figura da tão honrada Instituição responsável por manter a ordem e a paz no trânsito e nem tampouco mutilar a honra do Guarda que, em seu instante de ira, desferiu-me um cruzado no queixo, metaforicamente falando, ao me imputar tão inadmissível punição.

Quero tão somente levantar meu brado brando e, quem sabe assim, evitar que outros mais também sejam vítimas de incongruências sociais em nossa cidade e/ou em outros lugares. E que não mais sejamos, assim como estou sendo agora, marionetes ao bel prazer daquele que detém o poder do apito no jogo.

Que não nos tornemos reféns desse tipo de atitude !!!

Sou Marcos Varela, Professor da Rede Estadual de Ensino do Estado do Ceará, Sindicalista representante da APEOC em nosso município, Radialista Profissional, Proprietário da Webrádio Pacatuba Em Foco e também do site de mesmo nome.

Sem mais, fica aqui o meu registro de indignação e incompreensão por tamanha arbitrariedade contra mim cometida.


Marcos Varela
←  Anterior Proxima  → Inicio

Futebol Ao Vivo

Mais Acessadas

Total de visualizações de página