Parlamentares que votarão reforma da previdência querem se aposentar com regra atual ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

Parlamentares que votarão reforma da previdência querem se aposentar com regra atual

Segundo emenda, políticos que contribuírem por 35 anos poderão receber aposentadoria integral de R$ 33 mil

Entre as 146 emendas propostas por deputados ao projeto da reforma da previdência enviado ao Congresso pelo presidente não eleito Michel Temer (PMDB), uma se destaca. Isso porque ela propõe que seja garantida a aposentadoria pelas regras atuais a parlamentares menores de 65 anos, diferentemente dos demais cidadãos. Trata-se da Emenda nº 24, que visa assegurar uma espécie de "regra de transição" para proteger a aposentadoria dos políticos que contribuem com o Plano de Seguridade Social dos Congressistas.

O texto apresentado pelo deputado federal Carlos Eduardo Cadoca (PDT-PE) recebeu 204 assinaturas de apoio dos demais parlamentares e será analisado pelo relator da proposta, Arthur Maia (PPS-BA).

Pela emenda, os políticos maiores de 54 anos e aqueles que já tiverem cumprido o tempo de ao menos um mandato – quatro anos para os deputados, oito anos para os senadores – não seriam afetados pelas mudanças previdenciárias, permanecendo com a necessidade de contribuição de 35 anos. Quem não se encaixar nas regras teria que pagar uma taxa de transição de 50% do tempo restante.

Injustiça

O Plano dos Congressistas estabelece o recebimento vitalício de um salário integral de 33,7 mil reais por mês para parlamentares que realizarem a contribuição voluntária durante 35 anos. De acordo com a proposta que está sendo debatida, os demais brasileiros devem colaborar por pelo menos 49 anos para receber o valor integral.

Para os demais brasileiros, a reforma de Temer afetará todos os menores de 50 anos que contribuem para o sistema geral da Previdência, submetendo-os às novas regras. Para os parlamentares, de acordo com a emenda de Cadoca, o sistema apenas valerá para quem tomar posse após a reforma ter entrado em vigor.

Como justificativa ao texto apresentado, o parlamentar argumentou que sua emenda corrige uma suposta "injustiça histórica, ao fixar o direito, até agora suprimido, à paridade de remuneração para aposentados e pensionistas da seguridade parlamentar".

O prazo para os deputados apresentarem emendas à proposta de reforma da Previdência terminou na última sexta-feira (17). Das 146 emendas apresentadas, 131 serão analisadas por Maia (PPS-BA), por terem obtido o número mínimo de 171 assinaturas de apoio.

Atualmente, a proposta de reforma da previdência está em análise em uma comissão especial da Câmara. O parecer de Maia deve ser votado e, em seguida, caberá ao plenário da Casa votar o projeto, que então será analisado pelo Senado.

←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SERIPAN

RADIOSNET