NESTA DATA - Morre Elis Regina ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

NESTA DATA - Morre Elis Regina

No dia 19 de janeiro de 1982, a cantora Elis Regina morreu em seu apartamento no Jardim Paulista, bairro nobre de São Paulo. Ela foi encontrada caída no chão pelo então namorado Samuel MacDowell. A cantora de 36 anos chegou sem vida ao Hospital das Clínicas.

Segundo a autópsia, a causa da morte foi uma mistura de cocaína com álcool. Na época, os familiares de Elis contestaram o laudo médico, na tentativa de proteger sua imagem. Seu corpo foi velado no Teatro Bandeirantes, em São Paulo, local onde havia apresentado seu show mais marcante, “Falso Brilhante”, entre 1975 e 1977.

Nascida em 17 de março de 1945 em Porto Alegre, Elis Regina Carvalho Costa começou a cantar aos 11 anos, em programas de rádio. O estouro nacional ocorreu em 1965, quando interpretou “Arrastão”, de Edu Lobo e Vinicius de Moraes, ganhando o 1º Festival de Música Popular Brasileira (TV Excelsior). Em 1968, ganhou fama internacional ao cantar em TVs inglesa, holandesa, belga, suíça e sueca.

Para muitos, Elis foi a maior cantora brasileira de todos os tempos. Conhecida como “Pimentinha” e “Furacão Elis”, ela lançou compositores como João Bosco e Aldir Blanc, Renato Teixeira, Fátima Guedes. Casou e se separou duas vezes, uma com o compositor e produtor Ronaldo Bôscoli, 16 anos mais velho, e com o pianista César Camargo Mariano. Deixou três filhos, João Marcelo, fruto do primeiro casamento, que na época tinha 11 anos, Pedro e Maria Rita, filhos do segundo casamento, que tinham 6 e 4 anos, respectivamente.
 
←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SOARTE

RADIOSNET