Camilo Santana culpa governo federal por crise da água no Ceará ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

Camilo Santana culpa governo federal por crise da água no Ceará


O governador Camilo Santana responsabilizou nesta segunda-feira (7) o governo de Michel Temer, caso aconteça um colapso de água no Estado no próximo ano. "A responsabilidade será do Governo Federal, que não tem ouvido o governador e a sociedade. Eu vou responsabilizar o governo federal. Já oficializei isso. É inadmissível", disse ele, que criticou a paralisação das obras de transposição do Rio São Francisco, no trecho entre Pernambuco e Ceará (Jati).

“Essa obra não era para ter sido paralisada, era para ter sido contratada emergencialmente. É claro que não estamos em situação de calamidade, no momento, mas poderemos estar caso essa obra não seja concluída até maio do ano que vem. Se não chover nós vamos ter um problema seríssimo porque não temos onde buscar água para atender um sexto ano seguido de seca”, afirmou.

Camilo alertou que, caso o governo federal não tome uma posição, haverá um colapso no abastecimento de água na região da Grande Fortaleza, prejudicando 4 milhões de pessoas. "É uma situação de calamidade. Estamos sem receber R$ 1 centavo do governo federal", reforçou.

Camilo afirmou ainda que pediu uma nova audiência com o presidente da República Michel Temer e lembrou reuniões que teve, em Brasília, no dia 26 de outubro, com representantes da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), com o presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), Aroldo Cedraz, e com o ministro da Integração Nacional, Hélder Barbalho, para tratar do tema da crise hídrica no Ceará e no Nordeste, como um todo.
 
←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SOARTE

RADIOSNET