Justiça acha pen drive com música na cela de Dirceu, mas não acha endereço de Cunha ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

Justiça acha pen drive com música na cela de Dirceu, mas não acha endereço de Cunha

O Brasil é uma aula de humor e tem prestado excelentes serviços ao mundo. A Justiça brasileira então... nem se fala!!! Hoje o jornal O Globo anuncia, em tom sério, quase solene, na sua página três, que carcereiros encontraram na cela ocupada por José Dirceu um pen drive com música. Ok. O artefato, perigoso que só, foi devidamente recolhido. Agora o fato que espanta é que a mesma Polícia Federal, braço armado do MP e da Justiça Federal, ignora o endereço residencial de um dos réus da Lava-Jato - ninguém menos do que Eduardo Cunha. Por isso, Moro ainda não teria interrogado a mulher do deputado, Cláudia Cruz. Um internauta enviou o endereço para Conexão Jornalismo. Mas, em respeito a imagem da PF, vamos omitir e conferir depois para ver se está certo - o deles, não o nosso.

O deputado, ex-.presidente da Câmara, Eduardo Cunha, é acusado de manter contas no exterior. Ele, sua mulher, a jornalista Cláudia Cruz, e a filha são suspeitos de envolvimento em crime de lavagem de dinheiro. Sobre isso? Nenhum tom de indignação no jornal ou nas falas das autoridades do Judiciário. Há um indicativo de que Cunha possa acabar com a República caso seja cassado. Uma vingança. Dela não resistiria ninguém. Nenhum partido sobreviveria. E Moro? Diante deste filé mignon? Faz silêncio.

Gargalhadas na platéia....

A necessidade e urgência de ouvir e prender Cláudia Cruz e seu marido são óbvias. Especialmente porque o Ministério Público Federal tem alegado que há risco de que a mulher deixe o Brasil - afinal, sua defesa pediu seu passaporte de volta.

A Justiça Federal, encarnada na figura de Moro, é dada a tais humores.

Ricardo Lewandowski, segundo artigo no mesmo Globo, seria o homem mais poderoso do país no momento. É presidente do STF, do CNJ, vai conduzir o impeachment e conquista aumento salarial para seus pares junto a Temer porque a última coisa que o interino deseja, atualmente, problemas com a Justiça. Caberia a ele, RL, tomar a dianteira e moralizar o Congresso e determinar a apreciação da votação sobre Cunha? Politicamente, sim. Afinal, ele determina o caso de Dilma e seu amigo, Gilmar, antecipa voto.

Mas isso é normal, segundo a lógica do humor vigente.

*Em tempo: Dirceu nega que o pen drive lhe pertença. As músicas, segundo disse, são horríveis. 
 
←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SERIPAN

RADIOSNET