“Canalha, Canalha!” – Requião transcreve fala de Tancredo na frente de Aécio ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

“Canalha, Canalha!” – Requião transcreve fala de Tancredo na frente de Aécio

“Canalha! Canalha! Canalha!”. Roberto Requião transcreve fala de Tancredo Neves no golpe de 1964 e provoca grande desconforto no neto Aécio Neves. De uma só vez, Requião expôs a hipocrisia dos senadores mineiros, que, atônitos, assistiram ao discurso

Ao discursar na sessão de julgamento do impeachment desta terça-feira (30), o senador Roberto Requião (PMDB-PR) relembrou a emblemática declaração de Tancredo Neves ao golpista Auro de Moura Andrade, em 1964.

Moura Andrade declarou vaga a Presidência da República antes mesmo de Jango sair do país, consumando o golpe. “Canalha! Canalha! Canalha!”, disse Requião, repetindo Tancredo.

O discurso de Requião foi direcionado aos senadores de Minas Gerais, especialmente Antonio Anastasia (PSDB) e Aécio Neves (PSDB), que assistiram atônitos ao discurso (vídeo abaixo).

“Anastasia praticou as pedaladas fiscais lá em Minas, mas não tinha Eduardo Cunha e nem um centrão querendo sangue para contestar. A inocência deste relator é a mesma de Moura Andrade declarando vaga a Presidência”, afirmou.

Requião disse que o Senado está prestes a repetir a ignomínia de março de 64. Para o senador, em alguns anos, o Congresso Nacional declarará nula a sessão do impeachment de Dilma.

“O que se pretende? Que daqui a alguns anos se declare nula esta sessão, como declaramos nula a sessão que tirou o mandato de Goulart, e peçamos desculpas à filha e aos netos de Dilma?”, questionou.

Requião ainda fez previsões catastróficas para o futuro pós-Dilma e sentenciou: “se, mesmo sem culpa esta Casa condenar a Presidente, que cada um esteja consciente do que há por vir! Que ninguém, depois, alegue ignorância ou se diga trapaceado, porque as intenções do Vice, que quer ser titular, são claras, são solares!”, concluiu.
 
 
 
←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SERIPAN

RADIOSNET