VICE DA CÂMARA ABANDONA CUNHA E TEMER E ANUNCIA VOTO PRÓ-DEMOCRACIA ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

VICE DA CÂMARA ABANDONA CUNHA E TEMER E ANUNCIA VOTO PRÓ-DEMOCRACIA

O deputado Waldir Maranhão (PP-MA), 1º vice-presidente da Câmara dos Deputados e então aliado de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), decidiu mudar sua opinião anunciou que votará contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff no próximo domingo, 17.

"Eu e mais 12 deputados do PP vamos votar a favor da democracia e contra o golpe", afirmou Maranhão, sem nomear os outros parlamentares de seu partido que também votarão contra o impeachment.

Segundo o Broadcast Político, o deputado mudou de voto para se opor ao grupo do ex-presidente da República José Sarney (PMDB), que tem sinalizado apoiar o impeachment. 

Waldir Maranhão disse ainda não estar preocupado, neste momento, com a promessa de punição do PP aos parlamentares que não acompanharem a maioria do partido. A executiva nacional da sigla está reunida nesta tarde para fechar questão a favor do impeachment de Dilma. "Isso depois a gente resolve", afirmou Maranhão.

←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SOARTE

RADIOSNET