Ex-atacante de Palmeiras e Flamengo, Gaúcho morre de câncer ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

Ex-atacante de Palmeiras e Flamengo, Gaúcho morre de câncer

Gaúcho faleceu nesta quinta-feira, em São Paulo, aos 52 anos de idade, vítima de um câncer de próstata. O ex-atacante foi campeão brasileiro de 1992 pelo Flamengo, clube que o revelou. Ele ainda acumulou passagem pelo Palmeiras, destacando-se no Campeonato Paulista de 1989. O enterro acontecerá entre segunda e terça-feira da próxima semana. 

Luís Carlos Tóffoli, o Gaúcho, foi revelado na Gávea em 1982 e fez uma verdadeira peregrinação antes de se firmar. Defendeu, entre outros, o XV de Piracicaba, Grêmio, Verdy Kawasaki e o Santo André. O Palmeiras então o contratou e viu o jogador se destacar no Palestra Itália. 

Apesar da sua função ser fazer gols, ele ficou famoso quando impediu que os adversários balançassem as redes. Em uma partida contra o Flamengo, pelo Brasileirão de 1988, o goleiro Zetti se machucou e o Palmeiras já havia feito todas as suas substituições. Gaúcho então colocou as luvas e assumiu a posição de goleiro. 

O jogo terminou empatado, em 1 a 1, e o regulamento previa que a definição deveria ser nos pênaltis. Gaúcho converteu a sua cobrança e ainda defendeu as batidas de Aldar e de Zinho, pelo Rubro-Negro. Fã do atacante, o atual presidente Paulo Nobre chegou a lançar uma camiseta comemorativa pelas defesas, relembrando o ocorrido. Pelo Palmeiras, ele jogou 79 partidas e marcou 31 gols. 

Depois do clube paulista, o atacante retornou ao Flamengo, onde brilhou, vencendo o Campeonato Brasileiro de 1992 e as Copas do Brasil de 1990 e 91. Na final do Brasileirão de 92, Gaúcho apareceu bem contra o Botafogo, no primeiro jogo, marcando um dos gols da vitória de 3 a 0, que levaria ao título daquele ano. 

Pelo Rubro-Negro, Gaúcho fez 98 gols em 200 jogos. Ele também teve passagens pelo Fluminense, Atlético Mineiros, Lecce (ITA), Boca Juniors (ARG) e Ponte Preta. Em 1996, aposentou-se pelo Anápolis. Ainda se aventurou como treinador no Mixto e no Luverdense.

←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SOARTE

RADIOSNET