Sindicato APEOC exige suspensão da portaria de lotação dos professores do Estado ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

Sindicato APEOC exige suspensão da portaria de lotação dos professores do Estado

O Sindicato APEOC protocolou na Seduc, na tarde desta segunda (04), um ofício exigindo a suspensão da portaria de lotação dos professores da rede estadual. O documento traduz uma reivindicação de toda a categoria, indignada com as mudanças propostas pelo Governo através da portaria publicada no Diário Oficial do Estado do dia 30 de dezembro de 2015, em pleno período de férias. O Sindicato não aceita nenhum recuo na qualidade do ensino e nas condições de trabalho dos professores. Além disso, exige que todas as alterações propostas possam ser discutidas pela categoria antes de qualquer imposição.
oficio.Suspensão da portaria de lotação
Para o presidente do Sindicato APEOC, Anízio Melo, há vários questionamentos em relação à forma, conteúdo e tempo de publicação de portaria. “Em relação à forma, qualquer alteração na Educação tem que ser com base no diálogo com a categoria e o sindicato que a representa. No que se refere ao tempo, a portaria foi publicada em pleno período de recesso escolar inviabilizando qualquer discussão a respeito do teor das mudanças. Em relação ao conteúdo, qualquer tipo de reforma ou ajustes em relação à estrutura pedagógica das escolas precisa ser avaliado sob fatores da qualidade da oferta e a otimização dos recursos públicos. Nesse sentido, não podemos ser atingidos por medidas que só levem em conta o orçamento. Entendo que todos os esforços devem ser direcionados para a ampliação do investimento na qualidade da escola pública e valorização dos profissionais da Educação, garantindo para isto, um debate franco e aberto entre todos os atores”, finalizou.

Agenda de luta

Em virtude dessa reivindicação, o Sindicato APEOC está mobilizado esta semana para cobrar do Governo do Estado uma pauta extensa de esclarecimentos e medidas urgentes em relação à atividade dos profissionais de Educação.

Suspensão da portaria de lotação.15x
Nesta segunda (04), às 17h, será realizada uma plenária com professores/gestores de escolas para discutir a portaria de lotação e avaliar os impactos das mudanças no sistema pedagógico das unidades e na estrutura de ensino e funcionamento das escolas.
Na manhã desta terça (05), a direção executiva do Sindicato se reúne para deliberar uma mobilização geral a respeito desta pauta e das demais, como não pagamento da revisão geral dos servidores, atraso nos processos de estabilidade e ascensão funcional, convocação dos concursados e confirmação de data de pagamento das progressões horizontais.
Também nesta terça (05), às 14h, já está confirmada uma rodada da mesa de negociação permanente com o secretário Maurício Holanda onde todos esses assuntos serão tratados. O Sindicato APEOC irá reforçar o pedido de suspensão da portaria de lotação e o adiamento dos efeitos da medida, após discussão com a categoria.
Quarta-feira (06), a direção do Sindicato APEOC e representantes dos CEJA´s vão se reunir com o secretário Maurício Holanda para discutir, especificamente, os impactos da portaria de lotação nos Centros de Educação de Jovens e Adultos.
Segundo o vice-presidente da Apeoc, Reginaldo Pinheiro, os efeitos da portaria são mais negativos nos CEJA´s já que reduz drasticamente a quantidade de professores. “A Apeoc é totalmente contra qualquer medida que inviabilize a oferta do serviço de Educação e imponha uma série de mudanças sem a discussão com a categoria”, finaliza Reginaldo.
←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SOARTE

RADIOSNET