PSDB PEDE NA JUSTIÇA A EXTINÇÃO DO PT ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

PSDB PEDE NA JUSTIÇA A EXTINÇÃO DO PT

Vice-presidente jurídico do PSDB e líder do partido na Câmara, deputado Carlos Sampaio (SP) protocolou uma representação junto à Procuradoria-Geral Eleitoral em que pede que seja investigado o suposto recebimento de recursos de origem estrangeira em benefício do PT; se confirmada a prática, o tucano pede ainda que seja "promovida ação judicial de extinção do Partido dos Trabalhadores"; a denúncia foi feita pelo ex-diretor da Petrobras e delator da Lava Jato Nestor Cerveró, que também revelou aos investigadores, dias atrás, o pagamento de US$ 100 milhões em propina para o governo FHC na venda da argentina Pérez Companc pela estatal em seu governo; sobre isso, no entanto, Sampaio não disse uma palavra

O PSDB entrou na Justiça nesta quarta-feira 20 pedindo, entre outros pontos, a extinção do Partido dos Trabalhadores. De acordo com nota divulgada pelo partido, o vice-presidente jurídico e líder da sigla na Câmara, deputado Carlos Sampaio (SP), protocolou uma representação junto à Procuradoria-Geral Eleitoral (PGE) em que pede investigação do suposto recebimento de recursos de origem estrangeira em benefício do PT.
Se confirmada a prática, o tucano pede ainda que seja "promovida ação judicial de extinção do Partido dos Trabalhadores". A denúncia sobre o suposto repasse foi feita pelo ex-diretor da Petrobras e delator da Operação Lava Jato Nestor Cerveró. "É uma denúncia gravíssima, apresentada por um integrante da quadrilha que operava o Petrolão, e que precisa ser investigada", comenta Sampaio.
O mesmo Cerveró também delatou aos investigadores o pagamento de US$ 100 milhões em propina para o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, do PSDB, na venda da empresa argentina Pérez Companc pela Petrobras durante o governo tucano. Sampaio não diz uma palavra sobre esta denúncia. Leia abaixo a íntegra da nota divulgada pelo PSDB:
PSDB pede investigação sobre recursos do exterior em campanha do PT
O vice-presidente jurídico do PSDB e líder da bancada na Câmara, Carlos Sampaio (SP), protocolou representação junto à PGE (Procuradoria-Geral Eleitoral) em que requer investigação sobre o recebimento de recursos de origem estrangeira em benefício do PT e, confirmada a prática, seja também promovida ação judicial de extinção do Partido dos Trabalhadores.
A ação do PSDB baseia-se em informações prestadas pelo ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró, à PGR (Procuradora-Geral da República) de que a campanha de Lula, em 2006, recebeu R$ 50 milhões em propina, provenientes de uma negociação para a compra de US$ 300 milhões em blocos de petróleo na África em 2005.
"É uma denúncia gravíssima, apresentada por um integrante da quadrilha que operava o Petrolão, e que precisa ser investigada", afirmou Sampaio.
A Constituição Federal proíbe os partidos políticos de receberem de entidades e governos estrangeiros quaisquer recursos financeiros. Ao disciplinar a norma constitucional, a Lei dos Partidos Políticos prevê, após trânsito em julgado de decisão, o cancelamento do registro civil e do estatuto do partido que tenha infringido a norma.
"Ainda na CPI da Petrobras, em abril do ano passado, disse que o tesoureiro do PT seria preso e o PT, extinto. Dias depois, João Vaccari foi detido e continua preso até hoje. A extinção do PT está muito próxima: é uma questão de tempo e do avanço das investigações", afirmou Sampaio.
Clique AQUI para ver a representação.
←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SOARTE

RADIOSNET