Sindicato APEOC exige publicação de atos de estabilidade e ascensão em janeiro de 2016 ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

Sindicato APEOC exige publicação de atos de estabilidade e ascensão em janeiro de 2016

O atraso dos processos de ascensão funcional e estabilidade dos profissionais da Rede Estadual de Ensino foi novamente tema de uma audiência entre o Sindicato APEOC, professores e representantes do Governo do Estado. O encontro foi realizado na manhã desta segunda (21) na sede da Seduc e contou com a presença do vice-presidente estadual do Sindicato APEOC, Reginaldo Pinheiro, e do advogado e ouvidor, Ítalo Guerreiro. A secretária executiva da Seduc, Dalila Saldanha; a coordenadora de Gestão de Pessoas da Seduc, Giovana França; e o assessor especial de Acolhimento aos Movimentos Sociais do Estado, Acrísio Sena, também participaram da reunião. Um grupo de três professores que estão sofrendo com o atraso dos processos acompanhou as discussões e contribui durante a audiência.
 
publicação de atos de estabilidade e ascensão em janeiro de 2016.300x.01A Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) não enviou representante à audiência, o que causou bastante indignação aos sindicalistas e professores presentes. Isso porque, todos os processos, tanto de estabilidade quanto de ascensão, estão parados na Seplag. Diante de mais um impasse, o Sindicato APEOC quer o retorno imediato do trâmite dos processos.

Calendário da APEOC

O Sindicato APEOC exige que o Governo do Estado publique todos os atos referentes aos processos de estabilidade e das ascensões funcionais até o final do próximo mês e realize o enquadramento dos níveis e pagamento das ascensões na folha de fevereiro. Os representantes da Seduc e do Gabinete do Governador acolheram as reinvindicações do Sindicato e dos professores e ficaram responsáveis em marcar uma nova audiência até a primeira quinzena de janeiro para confirmar o calendário proposto.

Fala, professor!

Cristiano Rabelo, professor da Rede Estadual, participou da audiência junto com outros dois colegas que estão passando pelo mesmo problema do atraso das ascensões funcionais. O processo dele está parado desde fevereiro de 2015. Cristiano lamentou a ausência do Secretário de Planejamento e Gestão, Hugo Santana. Ele afirmou que a proposta de calendário apresentada pelo Sindicato APEOC e pelos professores presentes precisa ser respeitada e atendida pelo Governo.
Fala, sindicalista!

O vice-presidente da APEOC, Reginaldo Pinheiro, informou que o sindicato não abre mão das datas e atividades propostas. “Muitos processos já estão completando um ano de tramitação sem nenhuma justificativa. É inadmissível esperar ainda mais. Estaremos atentos e vigilantes para cobrar agilidade e pagamento dos benefícios”, concluiu Reginaldo.

Processos em Atraso

Até agora já são 244 professores com processos de ascensão funcional em atraso, divididos em doze lotes. Todos os processos se encontram na Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag) e somam um valor total de R$ 402.624,11. Já em relação à estabilidade, são 63 professores com processos parados, todos na Seplag à espera de autorização para seguir o trâmite normal.
←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SOARTE

RADIOSNET