Catilinárias: entenda a origem do nome da operação da PF ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

Catilinárias: entenda a origem do nome da operação da PF

Cenário político brasileiro atual reproduz acontecimentos semelhantes aos da Roma de 63 a.C.

Em Roma, 63 a.C., o cônsul romano Marco Túlio Cícero discursava: "Até quando, Catilina, abusarás da nossa paciência? Por quanto tempo ainda há-de zombar de nós essa tua loucura? A que extremos se há-de precipitar a tua audácia sem freio?". 

A acusação dirigia-se ao senador Lúcio Sérgio Catilina, acusado de planejar um golpe para derrubar a República romana junto a seus comparsas e tomar o poder. Cícero acusou-o por meio de uma série de discursos, que ficaram conhecidos como "Catilinárias". 

Segundo registros históricos, após o quarto discurso, Catilina estava condenado à morte, mas recusou-se a entregar-se e foi morto em um campo de batalha no ano seguinte.

É com base neste episódio que a Polícia Federal batizou o desdobramento da Operação Lava Jato, a Operação Catilinárias, deflagrada na manhã desta terça-feira 15, que atinge as principais lideranças do PMDB.

A ordem veio do Supremo Tribunal Federal (STF). A Polícia Federal cumpriu 53 mandados de busca e apreensão, em locais que incluem as residências de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente da Câmara, além escritórios de outras figuras proeminentes do partido, como o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), o senador Edison Lobão (MA) e os ministros Celso Pansera e Henrique Eduardo Alves.

Procuradoria-Geral da República acusa o deputado de corrupção e lavagem de dinheiro, em um escândalo de corrupção envolvendo a Petrobras.

←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SERIPAN

SOARTE

RADIOSNET

Total de Transeuntes