Premiê Alexis Tsipras renuncia e Grécia terá eleições antecipadas ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

Premiê Alexis Tsipras renuncia e Grécia terá eleições antecipadas

Alexis Tsipras vinha enfrentando rebelião dentro de seu próprio partido.
Divisão do partido Syriza enfraqueceu governo politicamente.

O primeiro-ministro da Grécia, Alexis Tsipras, anunciou sua renúncia no final desta quinta-feira (20), abrindo caminho para eleições antecipadas.

Tsipras, eleito em janeiro, fez o anúncio num discurso transmitido pela TV. "Estou renunciando porque esgotei o mandato que o povo me deu na eleição geral de janeiro", disse Tsipras.

Ele afirmou que uma fase difícil das negociações de resgate econômico passou, mas admitiu que não conseguiu o acordo que queria -- foi o melhor que havia, segundo o premiê.

As novas eleições possivelmente devem ocorrer no dia 20 de setembro.

Turbulência política
O líder grego tem enfrentado uma rebelião dentro de seu partido, o esquerdista Syriza, desde a aprovação do
acordo para o terceiro pacote de ajuda financeira ao país.

Ao menos 44 parlamentares não apoiaram o governo na votação que aprovou o resgate, no valor de € 86 bilhões.

O antecipação eleitoral tem sido esperada desde a aprovação do resgate no parlamento, que evidenciou a divisão no seio do partido de Tsipras, culminando em seu enfraquecimento político.

O  anúncio da renúncia foi feito depois que a Grécia recebeu, nesta quinta-feira, a primeira parte do empréstimo europeu de 13 bilhões de euros, o que permitiu ao país pagar imediatamente e no prazo os 3,4 bilhões de euros ao Banco Central Europeu (BCE), assim como um empréstimo-ponte de 7,3 bilhões de euros da União Europeia (UE) e do Fundo Monetário Internacional (FMI), acordado com a Grécia em meados de julho.

Com o acordo concluído resgate, a Grécia deixou uma zona de alta turbulência financeira, mas entrou em uma dura fase de cortes.

O ministro de Energia da Grécia, Panos Skurletis, afirmou que as eleições antecipadas se transformaram em uma opção necessária porque o Syriza "perdeu poder e, por extensão, o governo e também por uma questão de legitimidade democrática".
Tsipras teve de contar com o apoio da oposição para aprovar o resgate no Parlamento e outro ministro argumentou que eleições seriam uma maneira de conseguir estabilidade política.
As turbulências políticas na Grécia têm alimentado incerteza sobre como o governo vai implementar o acordo de resgate, que exige profundas reformas econômicas e medidas de austeridade rígidas, sem uma maioria viável.

RESUMO DO CASO
- A Grécia enfrenta uma forte crise econômica por ter gastado mais do que podia.
- Essa dívida foi financiada por empréstimos do Fundo Monetário Internacional (FMI) e do resto da Europa.
- Em 30 de junho, venceu uma parcela de € 1,6 bilhão da dívida com o FMI. Então, o país entrou em "default" (situação de calote), o que pode resultar na sua saída da zona do euro. Essa saída não é automática e, se acontecer, pode demorar. Não existe um mecanismo de "expulsão" de um país da zona do euro. No dia 13 de julho, outra dívida com o FMI deixou de ser paga, de € 450 milhões.
- Como a crise ficou mais grave, os bancos estão fechados para evitar que os gregos saquem tudo o que têm e quebrem as instituições.
- A Grécia depende de recursos da Europa para manter sua economia funcionando. Os europeus, no entanto, exigem que o país corte gastos e aumente impostos para liberar mais dinheiro. O prazo para renovar essa ajuda também venceu em 30 de junho.
- Em 5 de julho, os gregos foram às urnas para decidir se concordam com as condições europeias para o empréstimo, e decidiram pelo "não".
- Os líderes europeus concordaram em fazer um terceiro programa de resgate para a Grécia, de até € 85 bilhões, mas ainda exigem medidas duras, como aumento de impostos, reformas no sistema previdenciário e mais privatizações.
- O parlamento grego aprovou na quarta-feira (15) o primeiro pacote de reformas para conseguir dinheiro para saldar parte do que deve aos credores. Com isso, o Eurogrupo deu aval prévio ao empréstimo.
- Em 17 de julho, a União Europeia aprovou uma antecipação de € 7,16 bilhões do pacote de ajuda que vem sendo negociado, para que o país não dê "calote" no pagamento de € 3,5 bilhões que tem que fazer na segunda-feira ao Banco Central Europeu (BCE).
- No dia 20 de julho, a Grécia pagou os recursos devidos ao FMI e foi declarada adimplente pelo órgão.
- A Europa pressionou para que a Grécia aceitasse as condições e fique na zona do euro. Isso porque uma saída pode prejudicar a confiança do mundo na região e na moeda única.
- O Eurogrupo aprovou no dia 14 de agosto o terceiro programa de resgate para a Grécia de até € 96 bilhões por um período de três anos.

http://g1.globo.com/economia/noticia/2015/08/premie-da-grecia-renuncia-ao-cargo-e-pais-tera-eleicoes-antecipadas.html

←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SERIPAN

SOARTE

RADIOSNET

Total de Transeuntes