70% dos deputados da lista da Lava Jato apoiaram emenda do financiamento empresarial de campanha ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

70% dos deputados da lista da Lava Jato apoiaram emenda do financiamento empresarial de campanha

Dos 23 deputados federais presentes na lista de investigados da operação Lava Jato, pelo menos 16 apoiaram a emenda que constitucionaliza o financiamento privado de campanhas com doações de pessoas jurídicas aos partidos políticos, votada ontem (27) na Câmara dos Deputados.

Entre os nomes que constam na relação, entregue pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao STF em março, três não participaram da votação – Eduardo da Fonte (PP-PE), Roberto Britto (PP-BA) e Simão Sessim (PP-RJ). Dos outros vinte presentes no plenário, 16 (80%) apoiaram o financiamento empresarial. Entre eles está o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que, apesar de não ter votado diretamente a proposta por conta de seu cargo, já havia se manifestado publicamente a favor dela. O peemedebista foi também o principal articulador da “repescagem” que a colocou novamente em votação, mesmo com uma matéria semelhante tendo sido rejeitada na noite de terça (26).

Com isso, pode-se dizer que no mínimo 65% dos deputados federais investigados por envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras votaram pela aprovação das contribuições de empresas a partidos políticos, e que, contando com Cunha, aproximadamente 70% a apoiaram. Segundo especialistas, a destinação de recursos de pessoas jurídicas a campanhas eleitorais guarda íntima relação com a corrupção, além de potencializar a influência do poder econômico sobre o processo democrático (para ler mais, clique aqui).

Como votaram os deputados presentes da lista da Lava Jato em relação ao financiamento empresarial de campanhas

DEPUTADO                   PARTIDO/UF                VOTO 
Afonso Hamm                         PP-RS                        Não
Aguinaldo Ribeiro                   PP -PB                       Sim
Aníbal Gomes                          PMDB-CE                  Sim
Arthur Lira                               PP-AL                         Sim
Dilceu Sperafico                      PP-PR                         Sim
Eduardo Cunha                       PMDB-RJ                   ***
Jerônimo Goergen                  PP-RS                         Sim
José Mentor                             PT-SP                          Não
José Otávio Germano            PP-RS                         Não
Lázaro Botelho                        PP-TO                         Sim
Luis Carlos Heinze                 PP-RS                          Sim
Luiz Fernando Faria              PP-MG                        Sim
Mário Negromonte Jr.           PP-BA                         Sim
Missionário José Olimpio     PP-SP                          Sim
Nelson Meurer                        PP-SP                          Sim
Renato Molling                       PP-RS                          Sim
Roberto Balestra                    PP-GO                         Sim
Sandes Júnior                         PP-GO                         Sim
Vander Loubet                        PT-MS                         Não
Waldir Maranhão                   PP-MA                        Sim


***Eduardo Cunha não votou por ser presidente da Câmara, mas já se declarou favorável
(Confira aqui a votação completa)
 
←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SOARTE

RADIOSNET