Putin irrita ativistas ao acusar Pussy Riot de antissemitismo ~ Pacatuba Em Foco
Tecnologia do Blogger.

APEOC

Postagens Populares

Sample Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation test link ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.

Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate another link velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur.

Arquivo do blog

Categories

Definition List

Definition list
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.
Lorem ipsum dolor sit amet
Consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua.

Pages

Support

Need our help to upload or customize this blogger template? Contact me with details about the theme customization you need.

Ordered List

  1. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  2. Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  3. Vestibulum auctor dapibus neque.

Unordered List

  • Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit.
  • Aliquam tincidunt mauris eu risus.
  • Vestibulum auctor dapibus neque.

Futebol Ao Vivo

Futebol Ao Vivo

Participe pelo Whatsapp 85 988 621 206

Putin irrita ativistas ao acusar Pussy Riot de antissemitismo

Putin irrita ativistas ao acusar Pussy Riot de antissemitismo

O presidente russo, Vladimir Putin, provocou a indignação de blogueiros e ativistas nesta sexta-feira ao insinuar à chanceler alemã, Angela Merkel, que uma das integrantes da banda punk Pussy Riot detidas na Rússia é antissemita.

Putin fez essa declaração depois que Merkel manifestou sua contrariedade com a condenação de integrantes da banda a dois anos de prisão por terem realizado um protesto contra Putin numa catedral de Moscou.

“Será que ela sabe que, antes disso, uma delas havia pendurado a imagem de um judeu e dito que Moscou precisava se livrar dessa gente?”, disse ele a Merkel e a outros participantes russos e alemães de uma conferência realizada por ocasião da visita da chanceler a Moscou. “Não podemos apoiar pessoas que assumem posições antissemitas”, acrescentou.

Alguns blogueiros e ativistas disseram que Putin está deliberadamente distorcendo a verdade.

Putin parecia estar se referindo a uma encenação de execução realizada em 2008 pelo grupo Voina (Guerra) num supermercado da Grande Moscou, e da qual pelo menos uma das integrantes do Pussy Riot, Nadezhda Tolokonnikova, teria participado.

Ativistas vestidos como migrantes não-eslavos se penduraram nas gôndolas num corredor. Algumas referências ao protesto na Internet davam a entender que um dos personagens representava um judeu.

Pyotr Verzilov, marido de Tolokonnikova e cofundador do Voina, disse que o protesto era uma forma de chamar a atenção para a discriminação que minorias sofrem em Moscou.

“A principal questão é se os assessores de Putin o informaram mal, seja acidentalmente ou de propósito, ou se ele está ciente dos fatos e está deliberadamente desinformando Angela Merkel”, disse Verzilov.

Em entrevista coletiva posterior, ao lado de Merkel, Putin foi questionado sobre sua versão e fez declarações semelhantes.

(Reportagem adicional de Gabriela Baczynska e Denis Dyomkin)

http://correiodobrasil.com.br/putin-irrita-ativistas-ao-acusar-pussy-riot-de-antissemitismo/546364/#.UKa_X4d2yZ8

←  Anterior Proxima  → Inicio

FanPage do Pacatuba Em Foco

Mais Acessadas

APEOC

SERIPAN

SOARTE

RADIOSNET